Apego

Acredito que ninguém busca tristeza ou infelicidade, de forma consciente. A pessoa pode fazer coisas que não lhe fazem bem, mas a intenção inicial, na maioria das vezes, é uma sensação boa, mesmo que momentânea. O apego é uma forma de buscar felicidade. A pessoa busca sensações positivas que a ideia de ter aquilo lhe traria. O objeto de apego tem várias formas. O budismo fala que pode ser do passado, do futuro ou do agora, por exemplo. Uma coisa eles têm em comum: fazem parte do mundo externo.

O apego é aquela vontade, quase que incontrolável, dentro de você. Uma sensação que toma conta do seu corpo e ocupa a sua cabeça. Algumas vezes, você pode pensar que não há felicidade sem o objeto de apego. Essa vontade é tão forte, como se houvesse uma força lhe puxando, a sua energia é totalmente mobilizada para conseguir aquilo pelo qual você tem apego.

O apego de algo do passado mobiliza uma energia incrível para algo que não existe mais. Quando se refere a algo futuro, uma situação que ainda não aconteceu, você também está investindo uma energia sua, do agora, em algo que não existe. Ambos (passado e futuro) são ilusões. Você está colocando parte da sua felicidade em situações ou pessoas que não existem. As pessoas mudam o tempo todo, cada instante que vivemos contribui para um novo eu, que aprende e se transforma com as novas experiências que vive. Então, quando você se apega a algo que está no futuro, você pode deixar de enxergar oportunidades que estão no agora, ao seu redor. Esse apego acaba sugando a sua energia e limitando a sua visão de caminhos que você poderia estar construindo agora.

Há o apego no agora também. Às vezes, você pode atribuir a sua felicidade a alguém ou a alguma coisa. Você dedica uma grande energia de esperança a essa situação, fica apegada a isso, e novamente limita as suas opções no agora. Acreditar nas pessoas que aparecem e nas novas situações como oportunidades é maravilhoso. O problema é quando nos apegamos a isso, e achamos que é a única saída para a nossa felicidade. O problema é depositar a sua felicidade naquele ou naquilo externo a você, e, não encontrar felicidade sem isso.

No agora, você pode entregar a sua sensação de realização ao consumo ou às coisas que você possui. Quando você já sentiu de perto o que é decepção, dedicar o seu apego a uma pessoa é muito arriscado, né? Ou, quando você já teve tão pouco, ou, sempre teve tanto e fica com medo de perder. São muitas as razões que fazem cada um se construir de uma forma e desenvolver apego a determinada coisa. Mas independente da história da pessoa, ela pode escolher ser completa sem esse apego.

Você percebeu que independente de qual seja o apego, todos sugerem que a sua felicidade, alegria ou realização está fixa em algo externo a você? E isso exige uma grande parcela do seu foco, da sua energia que poderia estar focada em você mesmo, de forma saudável. Mesmo quando você consegue o objeto de apego, é uma sensação instável, pois, em geral, ele traz alguma ansiedade. Seja ansiedade por medo de perder ou porque em maior quantidade, você sabe que aquele objeto lhe é prejudicial.

Agora que você está com uma visão mais ampla de como o apego pode se manifestar na sua vida e os seus possíveis efeitos negativos, que tal exercitar uma nova forma de buscar satisfação e felicidade? Como? Comece respirando fundo e prestando atenção em você, no seu corpo, nas suas emoções. Muitas vezes, o apego é uma fuga, para não olhar para você. Seja buscando gratificações imediatas ou buscando um passado para não olhar para a dor do presente ou tantas outras formas que vimos acima. Pode ser doloroso olhar para si, ver uma realidade que você não queria para si. Mas uma coisa pode ter certeza: se você continuar vivendo a vida da mesma forma, você terá os mesmos resultados que tem hoje. Então se você quer viver uma nova realidade, enfrente a realidade atual, promovendo as mudanças que precisa para viver a vida que deseja, para ser a pessoa que você quer.

Por Tatiana Cardoso

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s